ECONOMIA E ASPECTOS DA URBANIZAÇÃO NA MICRORREGIÃO DE PAU DOS FERROS, RIO GRANDE DO NORTE, BRASIL

Lucas Valente Souto, Almir Mariano de Sousa Júnior, Francisco do O' de Lima Júnior

Resumo


O processo de formação do espaço urbano e o aumento da taxa de urbanização em grande parte do mundo são marcados pela industrialização. No caso brasileiro, aconteceu mais intensamente a partir da segunda metade do século XX, levando grande parte da população rural migrar para as áreas urbanas. Nos municípios da região semiárida brasileira, o processo de urbanização com eventual migração ocorreu também devido ao fator climático da região, devido os longos períodos de secas. O objetivo desse trabalho é analisar o processo de urbanização da microrregião de Pau dos Ferros/RN e seus rebatimentos na dinâmica local, tendo como base a perda da representatividade do setor rural/agropecuário, causado pelas intempéries do clima. Usou-se dados de órgãos oficiais (IBGE; ATLAS Brasil) com exploração descritiva. Verificou-se que houve significativo processo de urbanização concomitante com a perda de representatividade do setor primário em detrimento dos outros setores que compõem o PIB.

Palavras-chave


Urbanização; Semiárido; Microrregião de Pau dos Ferros/RN/Brasil.

Texto completo:

PDF

Referências


ABRAPA. Algodão no Brasil. Disponível em: http://www.abrapa.com.br/Paginas/dados/algodao-no-brasil.aspx. Acesso em: 25 out. 2017.

AB’SABER, A. Os domínios de natureza no Brasil: potencialidades paisagísticas. São Paulo: Ateliê Editorial, 2003.

ATLAS DO DESENVOLVIMENTO HUMANO NO BRASIL. Atlas do IDHM. Disponível em: http://www.atlasbrasil.org.br/2013/pt/consulta/. Acesso em: 25 maio 2017.

BRANDÃO, C. Território e Desenvolvimento: as múltiplas escalas entre o local e o global. 2. ed. Campinas/SP: Ed. da UNICAMP, 2012.

CLEMENTINO, M. do L. M. Economia e urbanização: o Rio Grande do Norte nos anos 70. Natal-RN: UFRN-CCHLA, 1995.

DANTAS, J. R. Q. As cidades médias no desenvolvimento regional: um estudo sobre Pau dos Ferros (RN). Natal, 2014, 260p. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2014.

DANTAS, J. R. Q.; CLEMENTINO, M. L. M. Desenvolvimento e urbanização: a rede urbana potiguar sob a ótica dos ‘REGICs’. Geotemas, Pau dos Ferros, v. 4, n. 1, p. 71-82, jan./jun. 2014.

DANTAS, J. R. Q.; FRANÇA, R. S. Desenvolvimento humano e hierarquia urbana: um estudo do IDHM nos municípios Potiguares. Trabalho apresentado no GT 4 Dinâmicas Socioeconômicas no Território – III Seminário de Desenvolvimento Regional, Estado e Sociedade – SEDRES, Blumenau (SC), ocorrido entre 14 e 16 de setembro de 2016.

DANTAS, J. R. Q.; SILVA, F. S. B. A (re) organização socioespacial no Rio Grande do Norte e suas implicações para o alto oeste: particularidades sobre pau dos ferros. Revista de Desenvolvimento Econômico, Salvador, Ano XIII, n. 24, p. 35-44, dez. 2011.

DINIZ, C. C. A questão territorial e o desenvolvimento brasileiro. In: DELFIM NETTO, A. O Brasil do Século XXI. São Paulo: Saraiva, 2011. p. 293-298.

ENDLICH, A. M. Pensando os papéis e significados das pequenas cidades. São Paulo: Editora UNESP, 2009.

GRAY, D. E. Pesquisa no mundo real. 2. ed. Porto Alegre: Penso, 2012.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo demográfico 2010. Rio de Janeiro: IBGE, 2010.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo demográfico 2000. Rio de Janeiro: IBGE, 2000.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo demográfico 1991. Rio de Janeiro: IBGE, 1991.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Região de Influência das Cidades - 2007. Rio de Janeiro: IBGE, 2008.

MACEDO, F. C.; LIMA JÚNIOR, F. O.; MORAIS, J. M. L. Dinâmica econômica e rede urbana cearense no início do século XXI. Redes (Santa Cruz do Sul. Online), v. 16, p. 70-93, 2012.

SANTOS, M. A urbanização Brasileira. 5. ed., 3. reimpr. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2013.

SILVA, R. M. A. Entre o Combate à Seca e a Convivência com o Semi-Árido: políticas públicas e transição paradigmática. Revista Econômica do Nordeste, Fortaleza, v. 38, n. 3, p. 466- 485, jul./set. 2007.

SINGER, P. Economia política da urbanização. São Paulo: Ed. Brasiliense, 1980.

SPOSITO, M. E. B. Capitalismo e Urbanização. 8. ed. São Paulo: Contexto, 1997.

SOUTO, L. V.; LIMA, D. F.; BARRETO FILHO, B. F.; DANTAS, J. R. Q. O nordeste e a escassez de água: uma abordagem da microrregião de Pau dos Ferros/RN. In: XVII Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional, 2017, São Paulo - SP. Anais [...]. São Paulo - SP: FAUUSP, 2017. v. 1. p. 1-16.

TRIBUNA DO NORTE. TSE Revela que nove municípios do RN têm mais eleitores que habitantes. Disponível em: http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/tse-revela-que-nove-municipios-do-rn-tem-mais-eleitores-que-habitantes/86506. Acesso em: 01 jul. 2017.




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/baru.v5i2.7564

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Rodapé - Barú
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


BARU | Revista Brasileira de Assuntos Regionais e Urbanos | Mestrado em Desenvolvimento e Planejamento Territorial da PUC Goiás | e-ISSN 2448-0460 | Qualis CAPES Preliminar 2019 = B1

Visitantes - (24/08/2017 - 25/06/2020)

Fonte: Google Analytics.