PAI NOSSO REVOLUCIONÁRIO, PARCEIRO DOS POBRES, DEUS DOS OPRIMIDOS”: APORTES PARA UMA ANÁLISE SOCIOLÓGICA DA PASTORAL DA JUVENTUDE (PJ)

Igor Adolfo Assaf Mendes, Joilson de Souza Toledo

Resumo


O campo religioso católico apresenta-se com uma grande diversidade. A relação que cada agrupamento, deste campo, tem com a sociedade, é profundamente variada. A compreensão dos diversos segmentos demanda o uso de aportes apropriados para a investigação. Tomaremos a Pastoral da Juventude (PJ), segmento da Igreja Católica mais afinado com a Teologia da Libertação. Em nossas pesquisas sobre o fenômeno religioso que se dá na PJ, temos trabalhado com dois autores básicos Pierre BOURDIEU e Michael LÖWY. Com Pierre BOURDIEU (1989; 2007) estudaremos o conceito de religião enquanto sistema simbólico estruturado e estruturante. Nas pesquisas de Michael LÖWY (2000; 2014; 2016) debruçar-nos-emos sobre a religião e a política na América Latina, com o conceito de Cristianismo da Libertação, com seus pressupostos e desdobramentos. Nele encontramos aportes significativos para a pesquisa sobre grupos que se constroem a partir da Teologia da Libertação, dentre eles a PJ. Assim sendo, nesta comunicação, pretendemos apresentar um corpus conceitual que nos tem auxiliado na investigação das experiências que se dão na PJ e como esta se tem constituído como um espaço de (des) construção de contextos sociais a partir da práxis de jovens e assessores do seguimento de Jesus no compromisso com os empobrecidos.

Palavras-chave


Religião; Teologia da Libertação; Práxis; Pastoral da Juventude; Empobrecidos; Religion; Theology of Liberation; Praxis; Youth Ministry; Impove.

Texto completo:

PDF

Referências


BOFF, Clodovis. Teologia e prática: teologia do político e suas mediações. Petropolis: vozes, 1978.

BOFF, Leonardo; BOFF, Clodovis. Da Libertação: o teológico das libertações sócio-históricas. Petropolis: Vozes, 1979.

BOFF, Leonardo, Jesus Cristo Libertador. Petropolis: vozes, 1972.

BOURDIEU, Pierre. Genèse et structure du champ religieux. In: Revue française de sociologie, 12-3, 1971, p. 25-334. Disponível em: < http://www.persee.fr/doc/rfsoc_0035-2969_1971_num_12_3_1994 >, Acesso em 03/02/2018.

BOURDIEU, Pierre. Economia das Trocas Simbólicas. 6 ed. São Paulo: Perspectiva, 2007.

BOURDIEU, Pierre. O Poder simbólico. Lisboa: Difel, 1989.

DICK, Hilário. Mínimo do mínimo para anunciar uma boa-nova à juventude. Caderno ciência e fé. V. 1. N. 3. Curitiba: Champagnat, 2013.

FRAINER, Jean Davi. Primavera ou inverno pastoral? Uma analise sociologica das transformações na Pastoral da Juventude em Santa Catarina. Dissertação (Mestrado em Sociologia Política) – Universidade Federal de Santa Catarina, 2015.

GALILEA, Segundo. Teologia da Libertação: ensaio de síntese. São Paulo: Paulinas, 1978.

GUTIÉRREZ, Gustavo. Teologia da Libertação: ensaio de síntese. São Paulo: Paulinas, 1978.

GUTIÉRREZ, Gustavo. A Força Histórica dos Pobres. Petrópolis: Vozes, 1981.

LEMOS, Carolina Teles. Max Weber nas leituras do catolicismo. Caminhos, Goiânia, v. 3, n 2, p. 233-252, jul/dez. 2005. Disponivel em: <>. Acesso em .

LÖWY, Michael. A Guerra dos deuses: religião e política na América Latina. Petrópolis: Vozes, 2000.

LÖWY, Michael. A jaula de aço: Max Weber e o Marxismo Weberiano. São Paulo: Boitempo, 2014.

LÖWY, Michael. El cristianismo de la liberacion y la izquerda en Brasil. Anuario IEHS 24 (2009), pp. 465-476. Disponível em: < http://anuarioiehs.unicen.edu.ar/Files/2009/Michael%20L%C3%B6wy%20El%20Cristianismo%20de%20la%20Liberaci%C3%B3n%20y%20la%20Izquierda%20en%20Brasil.pdf >. Acesso em: 20/03/2018.

LÖWY, Michael. O Catolicismo latino-americano radicalizado. Estudos Avançados. São Paulo 1989, v.3, n, 5. p. 50-59. Disponível em < https://www.revistas.usp.br/eav/article/view/8509/10060 >. Acesso em 28 mar 2018.

LÖWY, Michael. O que é Cristianismo da Libertação? Religião e Política na América Latina. Expressão Popular: São Paulo, 2016.

MARIÁTEGUI, José Carlos. El hombre y el mito. In: El alma matinal y otras estaciones del hombre de hoy. Mariátegui: Politica e Revolucionaria – contribucíon a la critica socialista. Tomo III. Caracas: El pero la rana, 2010, p. 47-52. Disponível em: < http://www.cenal.gob.ve/wp-content/uploads/2015/11/El-alma-matinal.pdf > Acesso em Acesso em 28 mar 2018

PASTORAL DA JUVENTUDE NACIONAL, Bora falar de Pastoral da Juventude? Roteiros de rodas de conversa para apresentar e falar da Pastoral da Juventude aos grupos de Jovens. São Paulo: CCJ, 2016.

RICHARD, Pablo. Força ética e espiritual da Teologia da Libertação: no contexto atual da globalização. São Paulo: Paulinas, 2006.

RUBIO, Alfonso Garcia. Teologia da Libertação: Política ou profetismo? São Paulo: Loyola, 1977.

SOBRINO, Jon. Fora dos Pobres não há salvação: pequenos ensaios utópicos-proféticos. São Paulo: Paulinas, 2008.

SOFIATI, Flávio Munhoz. A Juventude da teologia da libertação. Horizontes, Belo Horizonte, v. 10, n. 26, p. 333-356, abr./jun. 2012. (2012a). Disponivel em: . Acesso em Acesso em 28 mar 2018.

SOFIATI, Flávio Munhoz. Jovens em Movimento: O processo de formação da Pastoral da Juventude do Brasil. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) – Universidade Federal de São Carlos, 2004. Disponivel em: . Acesso em . >. Acesso em 28 mar 2018

SOFIATI, Flávio Munhoz. Juventude Católica: o novo discurso da teologia da libertação. São Carlos: EdUFSCar: 2012. (2012b).

SOFIATI, Flávio Munhoz. O novo significado da “opção preferencial pelos pobres” na teologia da libertação. Tempo Social, São Paulo, v. 25, n. 1, p. 215-34, junho 2013. Disponivel em: . Acesso em . Acesso em 28 mar 2018

SOFIATI, Flávio Munhoz. Renovação carismática e teologia da libertação: elementos para uma sociologia da juventude católica. In: Novas leituras do campo religioso brasileiro. Aparecida: Ideias&letras, 2014.

TAMAYO, Juan José. La Teología de La Liberación: En el nuevo escenario politico y religioso. 2 ª ed. Valencia: Tirant lo Blanch, 2011.

TOLEDO, Joilson de Souza. Hermenêutica Bíblica da Pastoral da Juventude: Cenários e Aproximação a partir de Ex 3,1-6. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) – Pontifícia Universidade Católica de Goiás, 2016. Disponivel em: . Acesso em 28 mar 2018.




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/cam.v16i1.6369

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Igor Adoldo Assaf Mendes, Joilson de Souza Toledo

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


CAMINHOS | Revista do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-778X | Qualis B1

Visitantes

País Usuários (%) de Usuários
Brasil 35.562 93,66
Estados Unidos 659 1,74
França 262 0,69
Portugal 152 0,40
Coréia do Sul 117 0,31
Reino Unido 102 0,27
México 75 0,20
Alemanha 71 0,19
Indonésia 64 0,17
Total 38.342

Fonte: Google Analytics.