A Escolástica na Divina Comédia de Dante Alighieri

Osmar Nascimento de Oliveira, Terezinha Oliveira

Resumo


Resumo: este estudo é uma análise da Divina comédia de Dante Alighieri (1265-1321) à luz da Escolástica, fio condutor teórico por meio do qual os homens se expressavam na Idade Média. A divina comédia é considerada pelos estudiosos da literatura e da história como a fundadora da literatura e da língua italiana, bem como, o mais completo compêndio sobre a civilização ocidental na Baixa Idade Média, escrita entre 1310 e 1321. Nela Dante coloca a si próprio como personagem em uma peregrinação através do Inferno e do Purgatório, conduzido pelo poeta Virgílio e, através do Céu pela bela Beatriz. Na medida em que vai conhecendo os recintos mais profundos de cada um desses locais, Dante encontra vários personagens históricos reais e imaginários que são classificados
pelo autor, em cada um desses locais, de acordo com os respectivos méritos ou pecados de cada um. Nossa intenção é conhecer melhor a civilização do período medieval, a própria obra e as influências que a Escolástica exerceu em seus versos.

Palavras-chave: história da educação medieval, Dante, Escolástica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/educ.v13i2.1587

Direitos autorais

Rodapé - Educativa
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


EDUCATIVA | Revista do Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7771 | Qualis B1

Visitantes - (01/01/2006 - 18/06/2019)
País Usuários
Brasil 23.489
Estados Unidos 762
Portugual 366
França 293
Moçambique 204
Angola 184
Espanha 75
Reino Unido 67
México 46
Total 26.138

Fonte: Google Analytics.