Emerging Perspectives in the Mandatory Curricular Internship of the Pedagogy Course

Carlos Cardoso Silva, Marilza Vanessa Rosa Suanno

Resumo


Abstract: this essay presents two teaching projects developed during the mandatory Internship Curriculum in the Education undergraduate course at Universidade Federal de Goiás. These two projects are also articulated to the results of two previous researches (SILVA, 2009); SUANNO, 2015) about teaching according to a phenomenological, complex and transdiciplinarian approach. It proposes teaching and learning to be considered as “art masterpieces”, living and critic-reflective experiences, fruit of a collective creation permeated by dialogue from emerging paradigms and epistemologies that promote the lengthening of comprehension and perception about knowledge and the human intelectual dimension that give meaning to life.

Perspectivas Emergentes no Estágio Curricular Obrigatório do Curso de Pedagogia

Resumo: este artigo apresenta a análise de dois Projetos de Ensino desenvolvidos no Estágio Curricular Obrigatório do Curso de Pedagogia da Universidade Federal de Goiás e se articulam aos resultados de duas pesquisas (SILVA, 2009; SUANNO, 2015) sobre ensinar e aprender na perspectiva da Fenomenologia, Complexidade e Transdisciplinaridade. Propõe pensar a aprendizagem e a ensinagem como "obra de arte", vivência e experiência crítico-reflexiva, fruto de criação coletiva perpassada pelo diálogo a partir de paradigmas e epistemologias emergentes para ampliar a compreensão e percepção sobre o conhecimento e a dimensão intelectual e humana que dão sentidos à vida.

Palavras-chave


Education; Teachers Formation; Internship; Phenomenology; Complexity; educação; formação de professores; estágio; fenomenologia; complexidade.

Texto completo:

PDF

Referências


AIRES, Berenice Feitosa da Costa. A educação ambiental numa perspectiva transdisciplinar: uma articulação entre a Educação Superior e a Educação Básica. Relatório final de Estágio Pós-Doutoral realizado no PPG-IELT da Universidade Estadual de Goiás – UEG, sob a supervisão do prof. Dr. João Henrique Suanno. Anápolis: IELT-UEG, 2016.

ANASTASIOU, Léa das Graças Camargos. Ensinar, aprender, apreender e processos de ensinagem. In: ANASTASIOU, Léa das Graças Camargos & ALVES, Leonir Pessate (Orgs). Processos de Ensinagem na Universidade: pressupostos para as estratégias de trabalho em aula. Joinville/SC: UNIVILLE, 1998.

ANDRÉ, Marli. O papel da pesquisa na articulação entre o saber e prática docente. Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino – ENDIPE, 7., 1994, Goiânia. Anais... Goiânia, 1994. p. 291-296.

BICUDO, Maria Aparecida Viggiani; CAPELLETTI, Isabel Franchi (Org.). Fenomenologia: uma visão abrangente da educação. São Paulo: Olho d’Água, 1999.

CANDAU, Vera Maria. A didática hoje: uma agenda de trabalho. In: CANDAU, V. M. et al. Didática, currículo e saberes escolares. Rio de Janeiro: DP&A, 2000.

CONTRERAS, José. A autonomia de professores. São Paulo: Cortez, 2002.

COSTA, Amanda P.; RODRIGUES, Cynthia G. B. Sustentabilidade e Cooperação Internacional pela Água. Seminário de Estágio FE/UFG. 2013. Disponível em: https://estagiodepedagogia.fe.ufg.br/up/235/o/SUSTENTABILIDADE_E_COOPERA%C3%87%C3%83O_INTERNACIONAL_PELA_%C3%81GUA1.pdf. Acesso em: 6 jun. 2017.

FREIRE, Paulo. Educação como pratica da liberdade. 25. ed. São Paulo: Cortez, 2002.

FREIRE, Paulo. Política e educação. 5. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 2005.

GANDORA, Dayanne J. S.; MESQUITA, Jaknaime V. S.; LIMA, Márcia N. C. de; SILVA, Polyana Santos; SUANNO, Marilza V. R. Projeto de trabalho Transdisciplinar com o metatema: Economia Solidária. Seminário de Estágio FE/UFG. Disponível em: https://estagiodepedagogia.fe.ufg.br/up/235/o/PROJETO_DE_TRABALHO_TRANSDISCIPLINAR_COM_O_METATEMA.pdf. Acesso em: 5 jun. 2017.

GHEDIN, Evandro; OLIVEIRA, Elisangela S. de; ALMEIDA, Whasgthon A. de. Estágio com pesquisa. São Paulo: Cortez, 2015.

HEIDEGGER, Martin. Ser e tempo. Tradução revisada e apresentação de Márcia Sá Cavalcante Schuback; posfácio de Emmanuel Carneiro Leão. 3. ed. Petrópolis: Vozes; Bragança Paulista: Ed. Universitária são Francisco, 2008.

HEIDEGGER, Martin. Todos nós... ninguém: um enfoque fenomenológico do social. Apresentação, introdução, notas e epílogo Dr. Sólon Spanoudis. Tradução e comentário de Dulce Mara Critelli. São Paulo: Moraes, 1989.

HERNÁNDEZ, Fernando. Os Projetos de Trabalho e a necessidade de transformar a escola. Revista Presença Pedagógica, n. 21, maio-jun. 1998.

HUSSERL, Edmund. A filosofia como ciência de rigor. Coimbra: Atlântida, 1965.

HUSSERL, Edmund. A ideia da fenomenologia. Tradução de Artur Morão. Rio de Janeiro: Edições 70, 2000a.

HUSSERL, Edmund. Meditações cartesianas: Introdução à Fenomenologia. Porto, Portugal: Edições Rés, 2000b.

HUSSERL, Edmund. Esperienza e giudizio: ricerche sulla genealogia della logica. Milano: Bompiani, 1960.

LÜDKE, Menga; ANDRÉ, Marli. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. 2. Ed. São Paulo: EPU, 2013.

MARTINS, Joel; ESPÓSITO, Vitória Helena Cunha (Org.). Um enfoque fenomenológico do currículo: educação como poiésis. São Paulo: Cortez, 1992.

MERLEAU-PONTY, Maurice. Fenomenologia da Percepção. Trad. Carlos Alberto Ribeiro de Moura, 2ª ed. são Paulo: Martins Fontes, 1999.

MORAES, Maria Cândida & VALENTE, José Armando. Como pesquisar em educação a partir da complexidade e da transdisciplinaridade? São Paulo: Paulus, 2008.

MORAES, Maria Cândida. Ecologia dos saberes: complexidade, transdisciplinaridade e educação: novos fundamentos para iluminar novas práticas educacionais. São Paulo: Antakarana/WHH, 2008.

MORAES, Maria Cândida. O paradigma educacional emergente. Campinas: Papirus, 1997.

MORIN, Edgar. Ciência com consciência. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2008.

MORIN, Edgar. Ensinar a viver: manifesto para mudar a educação. Tradução de Edgard de Assis Carvalho e Mariza Perassi Bosco. Porto Alegre: Sulina, 2015.

MORIN, Edgar. La Vía: para el futuro de la humanidade. Tradução de Núria Petit Fontseré. Barcelona: Paidós, 2011.

MORIN, Edgar. Os sete saberes necessários à educação do futuro. Tradução de Catarina Eleonora F. da Silva e Jeanne Sawaya. Revisão técnica de Edgard de Assis Carvalho. 2. ed. São Paulo: Cortez; Brasília, DF: Unesco, 2000.

MORIN, Edgar; CIURANA, Emilio-Roger; MOTTA, Raúl Domingo. Educar na era planetária: o pensamento complexo como método de aprendizagem pelo erro e incerteza humana. São Paulo: Cortez; Brasília, DF: Unesco, 2009.

NICOLESCU, Basarab. O Manifesto da transdisciplinaridade. São Paulo: Triom, 1999.

NÓVOA, Antonio (Org.). Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1992.

NÓVOA, António. Profissão professor. Porto: Porto Editora, 1999.

PETRAGLIA, Izabel Cristina. Educação complexa para uma nova política de civilização. Educar, Curitiba: Ed. UFPR, n. 32, p. 29-41, 2008.

PIMENTA, Selma Garrido. O estágio na formação de professores: unidade teoria e prática? São Paulo: Cortez, 1994.

PIMENTA, Selma Garrido; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e docência: diferentes concepções. Revista Poíesis, v. 3, n. 3-4, p. 5-24, 2005-2006.

REZENDE, Antonio Muniz. Concepção fenomenológica da Educação. São Paulo: Cortez: Autores Associados, 1990 (Coleção Polêmicas do Nosso Tempo, v. 38).

SACRISTÁN, José Gimeno. Tendências investigativas na formação de professores. In: PIMENTA, Selma Garrido (Org.). Professor reflexivo no Brasil: gênese e crítica de um conceito. São Paulo: Cortez, 2002.

SCHÖN, Donald. Formar professores como profissionais reflexivos. In: NÓVOA, António (Org.). Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1992.

SILVA, Ana Cristina O.; SANTOS, Eryka da S.; JUSTINO, Ivone C. K.; ROMÃO, Maria Gilma de S.; SILVA, Natália S. da; SANTOS, Roselita da C. S. dos; CARDOSO, Valderice Lopes C.; SUANNO, Marilza V. R. Sustentabilidade, meio ambiente e sociedade: projeto de trabalho transdisciplinar na educação de adolescentes, jovens e adultos. In: Simpósio Temático, 2., 2016, Goiânia. Anais... Goiânia, 13-15 jun. 2016. Disponível em: https://nufop.fe.ufg.br/up/169/o/ANAIS_II__SIMP%C3%93SIO_EST%C3%81GIO_-NUFOP_(1).pdf. Acesso em: 6 jun. 2017.

SILVA, Carlos Cardoso. A didática na perspectiva fenomenológica. 2009. 275 f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal de Goiás, Programa de Pós-graduação em Educação, Faculdade de Educação, Goiânia, 2009.

SUANNO, Marilza Vanessa Rosa Suanno. Didática e trabalho docente sob a ótica do pensamento complexo e da transdisciplinaridade. 2015. 493 f. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação, Universidade Católica de Brasília – UCB, Brasília, DF, 2015.

SUANNO, Marilza Vanessa Rosa. Em busca da compreensão do conceito de transdisciplinaridade. In: MORAES, Maria Cândida; SUANNO, João Henrique (Org.). O pensar complexo na educação: sustentabilidade, transdisciplinaridade e criatividade. 1. ed. São Paulo: WAK, 2014. p. 99-126.

SUANNO, Marilza Vanessa Rosa. Formação docente e didática transdisciplinar: aventura humana pela aventura do conhecimento. In: LIBANEO, José Carlos; SUANNO, Marilza Vanessa Rosa; LIMONTA, Sandra Valéria (Org.). Concepções de práticas de ensino num mundo em mudança: diferentes olhares para a didática. Goiânia: CEPED; Ed. PUC Goiás, 2011. p. 195-206.

UFG. Universidade Federal de Goiás. Faculdade de Educação. Projeto Político Pedagógico do curso de Pedagogia. Goiânia: UFG, 2003.

UFG. Universidade Federal de Goiás. Resolução CEPEC nº 731. Define a política de Estágios da UFG para a formação de professores da Educação Básica, 2005.




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/educ.v20i2.6239

Direitos autorais 2018 Carlos Cardoso Silva, Marilza Vanessa Rosa Suanno

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


EDUCATIVA | Revista do Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGE | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-7771 | Qualis B1

Flag Counter