PREVALNCIA DO USO DE SUBSTNCIAS PSICOATIVAS EM CANDIDATOS INGRESSANTES EM FORA POLICIAL DO ESTADO DE GOIÁS

Amélia Cristina Modzinski, Cássia Barbosa Facini, Sérgio Henrique Nascente Costa, Vania Rodríguez

Resumo


Resumo: o objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento sobre o uso de drogas de abuso em candidatos ingressantes em Força Policial do Estado de Goiás através da análise em cabelo. Das 3092 amostras analisadas 3052 foram negativas e 40 foram positivas para algumas substâncias psicoativas como cocaína, maconha e opiáceos.

Palavras-chave: Drogas de abuso. Força policial. Análise em cabelo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18224/est.v41i4.3674

Rodapé - Educativa
 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


EVS | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | e-ISSN 1983-781X | Qualis B3

Visitantes - (05/09/2017 - 21/10/2019)
País Usuários
Brasil 51.961
Estados Unidos 1.284
Portugal 818
França 246
Moçambique 238
Angola 171
Reino Unido 61
México 61
Espanha 60

Fonte: Google Analytics.