HELLBLADE: LOUCURA E PERFORMANCE EM VIDEOGAMES

José Guilherme Abrão Firmino

Resumo


Este trabalho tem como foto o jogo eletrônico Hellblade: Senua’s Sacrifice e em como a loucura é representada nele e qual seu papel central na narrativa deste jogo. Neste artigo refletimos sobre esta representação a partir de uma relação entre vídeo games e performances culturais nos apoiando em conceitos de história, folclore e do imaginário.

Palavras-chave


Performances culturais; Mídias; Vídeo Games; Loucura; Imaginário.

Texto completo:

PDF

Referências


DELL, Christopher. The Occult, Witchcraft and Magic. Princeton: Thames & Hudson, 2017.

FINK, Eugen. Play as symbol of the world and other writings. Indianápolis: Indiana University Press, 2016.

FOUCAULT, Michel. História da loucura. 2.ed. São Paulo: Perspectiva, 1978.

GIDDENS, Anthony. Modernidade e identidade. Rio de Janeiro: Zahar, 2002.

HEIDDEGER, Martin. Ser e tempo. 16.ed. Petrópolis: Vozes, 2011.

JENKINS, Henry. Game Design as Narrative Architecture. 2011. Disponível em: .

LAUREL, Brenda. Computers as Theatre. 15. ed. Laflin; Addison-Wesley, 2008.

MALRIEU, Philippe. A construção do imaginário. Lisboa: Instituto Piaget, 1995.

MURRAY, Janet H. Hamlet no Holodeck: o futuro da narrativa no ciberespaço.

São Paulo: Edunesp, 2004.

SHCECHNER, Richard. Performance studies: an introduction. Nova York, 2006.

SHCECHNER, Richard. Performers e espectadores – transportados e transformados. Revista Moringa, João Pessoa, v. 2, n. 1, p. 155-185, 2011. Disponível em: .

SCULL, Andrew. Madness in civilization. Princeton: Thames & Hudson, 2017.

TODOROV, Tzvetan. As estruturas narrativas. 4.ed. São Paulo: Perspectiva, 2006.

TURNER, Victor. O processo ritual. Petrópolis: Vozes, 1974.

TURNER, Victor. Schism and continuity in an African society. Manchester: Manchester University Press, 1996.

WUNENBURGER, Jean-Jacques. O imaginário. São Paulo: Loyola, 2007.

YOUTUBE, Ninja Theory, Hellblade Development Diaries. Última atualização em 7 de agosto de 2017. Disponível em: .




DOI: http://dx.doi.org/10.18224/frag.v28i3.6587

 

Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição Sem Derivações 4.0 CC BY-NC-ND


FRAGMENTOS DE CULTURA | Pontifícia Universidade Católica de Goiás | Instituto de Filosofia e Teologia | Sociedade Goiana de Cultura | e-ISSN 1983-7828 | Qualis B3

Visitantes - (01/01/2006 - 08/11/2018)
País Usuários
Brasil 19.140 - 89,25%
Estados Unidos 732 - 3,41%
Portugal 385 - 1,80%
França 274 - 1,28%
Moçambique 151 - 0,70%
Angola 98 - 0,46%
Índia 59 - 0,28%
Peru 54 - 0,25%
Chile 50 - 0,23%
Total 21.250

Fonte: Google Analytics